Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

Densidade

Os japoneses não têm pelos, as japonesas não têm peitos nem bunda, mas têm pernas tortas. Os cabelos todo mundo gosta. Metade japonesa, poderia ter herdado um peitão ocidental, mas não, herdei sim as pernas tortas e os cabelos fartos e brilhantes que todo mundo gosta, além de ter nascido com a mancha verde azulada na bunda que depois some, um carimbo de certificação japonês no meu imaginário. Na adolescência meus cabelos eram minha tábua de salvação, compridíssimos, apesar de ser incapaz de jogá-los, por timidez, como faziam as meninas dançando, jogando vôlei ou na hora do recreio sem motivo, eu achava super exibido. Mas nasciam esquisito, desde a nuca, e eu pensava, pra quê? Peguei a moda da calça baggy, enfiadíssima na bunda e apertadíssima na cintura, sempre acreditando ter a bunda mais horrorosa da face da terra. Tinha um espelhinho que era meu (in)fiel escudeiro escondido entre uma pilha de calças no guarda-roupa para me mirar de costas no espelho de corpo inteiro todos os dias e

Últimas postagens

Fotografia

Triste, exausta e esperançosa

Mãe, estou com saudades

Ao Japão, com muito amor